Escrito em por

BNDES

cálculos de operações de BNDS

Operações de BNDES com UMSELIC. Ao pensar em operações de BNDES o primeiro indexador lembrado é a TJLP, mas as operações indexadas a SELIC representam o terceiro maior volume liberado pelo BNDES. Neste post iremos apresentar como é calculada esta moeda contratual, que foi criada pelo BNDES para efetuar os cálculos destas operações, e disponibilizaremos também um link para baixar uma planilha com o cálculo implementado e a série histórica.

A utilização de moedas contratuais, pelo BNDES, tem como objetivo facilitar a indexação de operações, porém a falta de material acerca da construção de suas séries históricas torna a implementação de controles precisos um tanto desgastante.

Convêm destacar que existe uma diferença entre a Taxa SELIC e a Meta da Taxa SELIC. Fazemos isto devido a grande divulgação que a mídia dá a cada reunião do COPOM e às respectivas divulgações de novas Metas da Taxa SELIC, que acabam por gerar uma certa confusão. A Meta é um objetivo a ser perseguido pelo Banco Central, enquanto a Taxa SELIC é a taxa média ponderada pelo volume das operações de todos os negócios realizados entre os bancos e o Banco Central.

Alguns pontos importantes:

O histórico das Taxas SELIC pode ser obtido no site do Banco Central.

Em todo material do BNDES, quando há uma referência à Taxa SELIC, a denominação empregada é TMS (Taxa Média SELIC).

A Taxa SELIC é uma taxa aplicada para um dia útil, mas é sempre expressa como uma taxa ano com base 252 dias úteis.

A UMSELIC começou a ser calculada em 15/06/2011 e seu valor inicial foi 1,000000.

O código da moeda UMSELIC junto ao BNDES é 143.

Projeções da Taxa SELIC tem forte aderência a curva do CDI.

I – Cálculo da UMSELIC

O cálculo da UMSELIC é efetuado com a Taxa SELIC defasada em dois dias úteis. Veja como é a fórmula, já com os devidos arredondamentos.

Baixe esta planilha já pronta com todas as fórmulas abertas: PLANILHA UMSELIC.

planilha-calculo-bndes-selic-umselic

II – Cálculo das operações

1º Passo: converter todos os valores da operação para moeda UMSELIC da respectiva data.

2º Passo: calcular a sobretaxa, que é sempre uma taxa efetiva expressa ao ano na base 252 dias úteis.

3º Passo: aplicar a taxa sobre o saldo devedor da operação, já convertido para UMSELIC.

4º Passo: converter o valor da parcela, agora para R$, utilizando o valor da UMSELIC da respectiva data de pagamento.

Baixe o e-Book: Como Calcular e Contabilizar Operações de BNDES vol. I

Quer calcular com precisão operações pré e pós fixadas em TJLP?

Baixe grátis nosso eBook e tenha acesso a todas as informações necessárias!